sexta-feira, 14 de março de 2014

PROFESSORES DO ICS REALIZAM LANÇAMENTO COLETIVO NA UFAL.



Na próxima quarta-feira, 19 de março, às 10h30, no auditório do Centro de Interesse Comunitário da UFAL (por detrás da praça de convivência), haverá o primeiro lançamento de novos títulos da EDUFAL em 2014.
Serão ao todo oito livros sendo dois relançamentos e três coletâneas. O destaque fica para os professores do Instituto de Ciências Sociais, (representando os três setores de Sociologia, Antropologia e Ciência Política) envolvidos na publicação de quatro dos livros.

A Prof.ª Ruth Vasconcelos, do setor de Sociologia, relança “O Poder e a Cultura da Violência em Alagoas”, fruto de sua tese de doutorado, cuja primeira edição foi publicada em 2005.


“A publicação do livro ‘O poder e a Cultura de Violência em Alagoas’, de Ruth Vasconcelos Lopes Ferreira, aparece como uma iniciativa muito oportuna nesse momento em que o tema da violência e seu corolário, a corrupção, passam a ocupar permanentemente, e com grande destaque, as manchetes dos jornais. Antes vista como questão de polícia a ser resolvida pelo aparelho repressor estatal, a violência demonstra ter uma natureza muito mais complexa, exigindo uma compreensão que destaque não apenas o lado policial do fenômeno, mas, sobretudo, a relação de violência com as condições de existência d a cidadania e da democracia.” Revela o Prof. Henrique Martins, professor da UFPE, que assina a orelha da edição.



A Prof.ª Luciana Santana, do setor de Ciência Política, em parceria com a Prof.ª Deise Francisco (CEDU), organizam a coletânea intitulada “Problematizações Éticas em Pesquisa”. A coletânea surgiu da experiência no Comitê de Ética em Pesquisa da UFAL, coordenado pelas duas professoras.


Outra coletânea presente no lançamento foi organizada pelo Prof. Amaro Braga do setor de Sociologia, intitulada “Questões de Sexualidade nas Histórias em Quadrinhos”. O material reúne, de maneira inédita no Brasil, os trabalhos de treze pesquisadores do Brasil e Portugal sobre o tema polêmico: como as Histórias em Quadrinhos se relacionam com a questão da identidade sexual.  


“As histórias em quadrinho como um novo e instigante universo de investigação para as questões relativas ao gênero e à sexualidade é o que nos apresenta o livro organizado por Amaro Braga.  Nos artigos, expressões atípicas de masculinidade e feminilidade são justapostas às convenções corporais supernormativas; a cristalização de identidades marcadamente homo é relativizada a partir de possibilidades diversas de erotização.  Isso sem falar na abordagem de temas como pornografia, pedofilia e todos os dilemas morais relativos às interações sexuais entre pessoas de diferentes gerações. O livro também faz uma proposta corajosa de diálogo entre pesquisadores de diferentes temas.” Enfatiza a Prof.ª Nádia Meinerz que assina a orelha do livro.


O evento conta ainda com a edição “O Duplo da Vida: Etnologia, Viagem, Escrita” do antropólogo francês Marc Augé. O livro, inédito no Brasil, foi traduzido pelos Professores Bruno Cavalcanti e Rachel Rocha do setor de Antropologia, juntamente com a Prof.ª Maria Stela Lameiras (FALE). Os professores Bruno Cavalcanti e  Rachel Rocha têm investido na tradução de diversos livros nos últimos anos, colaborando para o acesso aos estudos antropológicos de tradição francesa no Brasil.



 Maiores informações, consulte o site da  editora: http://www.edufal.com.br/ 


Postar um comentário